Comunicado: a greve está mantida

O Sinsej comunica que as atividades propostas para o início da greve na segunda-feira (9/5) estão mantidas. Orientamos os servidores de todos os setores, inclusive da saúde, para que nesse dia não compareçam aos seus locais de trabalho e se dirijam à Prefeitura, para o ato, às 9 horas.

Na tarde de hoje (6/5), o juiz da Primeira Vara da Fazenda, Renato Roberge, concedeu à Prefeitura uma liminar impedindo o sindicato de mobilizar a paralisação nos setores de saúde. O Sinsej informa que ainda não foi citado oficialmente da ação e que considera a medida judicial equivocada, pois ela desconsidera os direitos previstos na lei de greve. O Sinsej já está recorrendo da ação por meio do plantão do Tribunal de Justiça em Florianópolis.

Tanto a greve como o trânsito nos locais de trabalho são direitos garantidos por lei e devem ser mantidos. A manutenção dos setores de saúde, segundo a lei de greve, se restringe 30% do efetivo, somente nos atendimentos de urgência. Quanto a isso, o sindicato e os próprios servidores já estão organizados. O Sinsej está totalmente de acordo com a lei e mantém a greve.

Esclarecemos ainda que qualquer medida judicial com o intento de impedir  o movimento grevista recai exclusivamento sobre o sindicato e não pode, de maneira alguma, prejudicar, lesar ou coibir pessoalmente a atividade grevista de nenhum servidor.

Servidor, não se deixe intimidar. A greve é um direito de todo trabalhador.

Segunda-feira, ato às 9 horas em frente à Prefeitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − quinze =