Poucos avanços em reunião na SGP

Os diretores do Sinsej reuniram-se na manhã de hoje (5/7) com o chefe de gabinete, Eduardo Dalbosco, e a secretária de gestão de pessoas, Márcia Streit, na Secretaria de Gestão de Pessoas (SGP). A Prefeitura manteve a posição de que os servidores grevistas receberão seus salários por meio de uma folha complementar apenas em 15 de julho. Os demais descontos, efetuados em meio à greve, serão creditados apenas na folha do mês de julho, paga no quinto dia útil de agosto.

O Hospital Municipal São José também fará o pagamento no dia 15, mas vai repor os descontos anteriores nessa mesma data.

De acordo com os gestores, a incorporação do abono do magistério ocorrerá na folha regular de junho, bem como o reajuste dos Agentes Comunitários de Saúde. O valor retroativo a 1º de maio também será pago apenas sobre a folha de julho.

Sobre o vale alimentação, o sindicato exigiu que os descontos que ocorreram no último dia 30 sejam devolvidos e que o benefício continue sendo garantido aos Agentes de Saúde Pública e demais servidores cobertos pelas gratificações dos PAs e ESF. Porém, a Prefeitura pediu um prazo até amanhã para responder.

O mesmo ocorreu com a solicitação de que os servidores que tiverem dificuldade para repor suas horas (em casos como licença-maternidade, licença para tratamento de saúde, outro vínculo empregatício, pouca demanda no setor etc.) possam compensar com férias e licença-prêmio. Para os que não tiverem essas opções e se encontrarem em licença por motivos de saúde ou maternidade, o Sinsej solicitou que eles possam repor no prazo de um ano depois que retornarem.

Para a reposição na educação, a secretária de gestão de pessoas se comprometeu em agendar uma reunião com a Secretaria de Educação para tratar especificamente dos CEIs, onde tem havido maior dificuldade na elaboração dos calendários.

O Sinsej pediu que a Prefeitura responda o que ficou em aberto até amanhã, antes da assembleia da categoria. Uma nova reunião ficou marcada para a próxima segunda-feira (11/7).

Leia a ata da reunião.

Leia o ofício com as solicitações que o Sinsej levou para a reunião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − sete =