Moção pelo adiantamento do reajuste

A Câmara de Vereadores aprovou, na quarta-feira (26/10) uma moção pedindo ao Executivo que a última parcela do reajuste salarial dos servidores seja antecipada para dezembro. O acordo de greve previa 2% em setembro, 2% em novembro e 4% em janeiro.

O pedido se baseou nas informações divulgadas pelo próprio prefeito Carlito Merss no artigo “Um Choque de Gestão”, publicado dia 10 de outubro, no Jornal Notícias do Dia. De acordo com ele, caíram as despesas com a folha de pagamento, alcançando o índice de 46,64% da receita municipal. Em 2010, a Prefeitura chegou perto dos 54% de comprometimento, limite da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 − 16 =