Servidores da Educação receberão abono

A Prefeitura de Joinville anunciou que pagará um abono aos servidores da Educação equivalente ao valor do salário de cada trabalhador até o dia 20 de janeiro (uma espécie de 14º). O projeto está na Câmara de Vereadores de Joinville e terá um impacto financeiro de R$ 10 milhões provenientes do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

O Sinsej apóia todo tipo de valorização aos trabalhadores e não poderia se posicionar diferente frente a essa medida. Porém, lamenta a restrição do benefício aos servidores da Educação, diferenciando-os do restante da categoria.

É preciso lembrar que a Educação é o maior setor do funcionalismo municipal e teve uma participação expressiva nas mobilizações dos últimos dois anos. Certamente, essa demonstração de força foi levada em consideração na decisão do Executivo de destinar o dinheiro excedente do Fundeb aos servidores e não à compra de materiais escolares ou melhorias estruturais das escolas, por exemplo.

Nada vem de graça. Todos os pequenos avanços e regalos concedidos pelo Executivo nos últimos meses são reflexos diretos da unidade, organização e luta da categoria. Permaneçamos mobilizados pela Campanha Salarial 2012, em busca do atendimento da Pauta de Reivindicações que contempla toda a categoria.

Compareça à assembleia geral da categoria, na próxima quinta-feira (15/12), às 19 horas, na sede do Sinsej.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × um =