Devolução do imposto sindical já pode ser solicitada

A partir de hoje (1º/10) os servidores já podem solicitar a devolução do imposto sindical 2014. O requerimento pode ser baixado aqui ou retirado na recepção do Sinsej e precisa ser devolvido no sindicato até 31 de outubro, anexo à folha de pagamento de março. Ele deve ser preenchido e ter firma reconhecida em cartório.

A devolução do valor será feita no decorrer de novembro por ordem de protocolo. É importante ressaltar que, do total descontado da folha do trabalhador, apenas 60% é repassado ao sindicato. O restante é dividido por lei da seguinte forma: 15% para a federação (em Santa Catarina temos a Fetramesc, que é desconhecida e não promove a defesa dos trabalhadores), 5% para a confederação (no caso dos servidores, é a CSPB, que também é fantasma), 10% para o Ministério do Trabalho e 10% para a CUT. Assim, quem solicitar a devolução, receberá 60% do que lhe foi confiscado, menos as taxas bancárias.

Os servidores que optarem por doar voluntariamente esse valor para o sindicato não precisam se manifestar. “O recurso não retirado pelos servidores será utilizado na luta e na manutenção da estrutura sindical”, explica o presidente do Sinsej, Ulrich Beathalter. Este é o terceiro ano em que o sindicato devolve o imposto sindical. Em 2012, foram R$ 150 mil restituídos e, em 2013, R$ 80 mil.

passo a passo Imposto Sindical 2015

BAIXE O REQUERIMENTO AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − sete =