Agentes administrativos das escolas realizam ato

Agentes administrativos em frente à secretaria.
Agentes administrativos em frente à Secretaria de Educação

Na manhã de hoje (23/2), cerca de 40 agentes administrativos das escolas públicas municipais realizaram manifestação em frente à Secretaria de Educação. Eles exigem equiparação da jornada de trabalho para seis horas diárias. O acordo de greve de 2014 estabeleceu que, ao longo de 2015, a reivindicação seria atendida. Os servidores e o sindicato consideram que o maior problema é a atitude do secretário de Educação Roque Mattei, que não se pronunciou sobre quando a redução da carga horária será feita.

Com o ato, tentou-se pressionar o secretário a dialogar com o Sinsej. Segundo o presidente da entidade, Ulrich Beathalter, “tudo é mais lento na Educação”. Uma prova dessa morosidade, para ele, é o sindicato ter enviado um ofício há dez dias para a Secretaria de Educação solicitando uma audiência, mas até o momento não ter obtido qualquer resposta.

Após o início da manifestação, os diretores do Sinsej e representantes dos servidores tentaram falar com Mattei. No entanto, foram informados de que ele teria viajado, sem previsão de retorno. Os trabalhadores se dirigiram ao gabinete do prefeito, onde foram atendidos pelo secretário de Governo, Afonso Fraiz. Ele se comprometeu a dar um parecer sobre a situação até à tarde de terça-feira. Os agentes decidiram realizar uma nova reunião, na quarta-feira (25/2), às 19 horas, para tomar conhecimento da resposta e decidir os próximos encaminhamentos.

Agentes Administrativos Das Escolas Realizam Ato

Flickr Album Gallery Powered By: WP Frank

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 1 =