Sem avanços na proposta da Prefeitura de Joinville

Os diretores do Sinsej voltaram a se reunir com Udo Döhler na manhã de hoje (13/4) para discutir a campanha salarial. Novamente, em meio às queixas de dificuldades financeiras do município, o prefeito recusou-se a melhorar a proposta de reajuste salarial para a categoria. Nenhum posicionamento foi dado também sobre o desconto referente a 29 de março, último dia de paralisação em frente à Prefeitura.

A direção do sindicato acredita que haverá nova reunião com o governo antes da próxima assembleia dos servidores, que acontecerá em 27 de abril, às 19 horas, no Sinsej. Nesta data a categoria deverá decidir as próximas ações da Campanha Salarial 2016, com ou sem nova proposta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + 3 =