Nota de apoio aos servidores de Florianópolis

A diretoria executiva do Sinsej declara seu apoio aos servidores de Florianópolis. Os trabalhadores estão em greve desde o dia 16 de janeiro devido um pacote com cerca de 40 cortes anunciado pelo prefeito, Gean Loureiro (PMDB).

A Câmara de Vereadores da cidade está reunida desde as 10h de hoje (24/1) na análise e votação do pacote de maldades. São quatro projetos que retiram gratificações e destroem o Plano de Carreira. Se aprovado, representará o maior ataque atual ao serviço público no país.

Na tarde de ontem (23/01), diretores do Sinsej foram até a capital expressar o apoio aos servidores. Conforme o presidente do Sinsej, Ulrich Beathalter, essas medidas não atingem somente os servidores de Florianópolis, mas representam um risco ao servidor e serviço público em todo o país.

“São direitos conquistados com muita batalha. A luta em Florianópolis também é nossa, pois todos nós, trabalhadores, defendemos a manutenção e melhoria do serviço público”, disse Ulrich.

Acompanhe a greve dos servidores municipais de Florianópolis através do site (http://sintrasem.org.br/) e da página no Facebook (https://www.facebook.com/sintrasem/?fref=ts).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − 8 =