Denúncia de surto de Covid- 19 na EM Navarro Lins vai garantir testagem dos servidores

Após mobilização e um ato de denúncia do Sinsej, na manhã desta segunda-feira (1º), em frente à EM Doutor José Antônio Navarro Lins para solicitar a suspensão das aulas presenciais após surto de Covid-19, a Secretaria Municipal de Educação confirmou a testagem de todos os profissionais. A escola vai fazer uma agenda, liberando os servidores durante o horário de trabalho pra fazerem o exame tipo PCR, no entanto não foi confirmada a desinfecção do local.
Há relato de que hoje estão afastados seis servidores, quatro desses confirmados e dois com suspeita, além do contágio entre familiares de servidores e de alunos, o que levou a APP e o Conselho Escolar solicitarem, na semana passada, a suspensão das aulas.
Preocupada com o avanço da Covid-19 e com a falta de estrutura e condições sanitárias nas escolas, a direção do Sinsej vem lutando desde o ano passado pela suspensão das aulas presenciais e antes mesmo do primeiro dia letivo deste ano, já denunciou surto na EM Professora Anna Maria Harger. Também na semana passada, chegou informação de que aulas estavam sendo suspensas na EM Sete de Setembro em decorrência do afastamento por suspeita de contágio entre os servidores.
Em vez de salvar vidas, o prefeito e bombeiro voluntário Adriano Silva prefere colocar em risco a vida da população joinvilense em pleno ápice da pandemia, sem oferecer a segurança sanitária, vacina e as condições de trabalho necessárias para os profissionais. Não é à toa que temos mais de 2884 casos ativos em Joinville e as mortes decorrentes da doença chegaram a 708, enquanto a taxa de ocupação dos leitos de UTI em nossa região passou a 86% (dados da transparência do município atualizados dia 28).
Não podemos aceitar calados essa situação. A Direção do Sinsej segue atenta e em luta para garantir a saúde e a vida da comunidade com a suspensão das aulas presenciais, desinfecção do local, testagem e vacina para todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + 16 =