Volta às aulas nas mãos dos diretores

A Secretaria de Educação de Joinville reforçou na quinta-feira (13/12), em reunião com os diretores de escolas no Teatro Juarez Machado, que a data de retorno de todos os profissionais do magistério é 14 de fevereiro. Porém, os gestores de cada escola têm permissão para convocar trabalhadores a partir do dia 4 em caso de real necessidade. Só podem ser chamados com antecedência servidores do quadro geral (agentes administrativos, cozinheiras e operacionais). Os únicos profissionais da rede que desde já têm obrigação de se apresentar no dia 4 são os próprios diretores.

Posição do Sinsej

O sindicato lamenta a posição da SE de deixar nas mãos dos diretores a responsabilidade de optar pela data do retorno às aulas. O acordo feito entre o Sinsej e a secretaria previa a volta de todos os profissionais do magistério no dia 14 de fevereiro. Para a entidade, a SE deveria manter a data acordada ou, minimamente, informar claramente qual o dia de reinício dos trabalhos de cada servidor. A forma aberta como a data será definida deixa os profissionais inseguros e desrespeita a isonomia, já que trabalhadores com o mesmo cargo poderão retornar em dias diferentes.

Considerando que segunda-feira (17/12) é o último dia das escolas, assim que o novo secretário de educação assumir o Sinsej irá procurá-lo e cobrar que todos retornem apenas dia 14.

(Texto atualizado em 17/12)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × cinco =