Esclarecimentos sobre notas de Luiz Veríssimo

O Sinsej solicitou ao Jornal Notícias do Dia ontem (11/8) retratação sobre nota veiculada pelo colunista Luiz Veríssimo. Ele afirmou que a sessão da Câmara de Vereadores de segunda-feira (10/8) foi encerrada 30 minutos antes do horário regimental porque “um grupo de servidores do Hospital Municipal São José, que acompanhava uma votação de seu interesse, não gostou do resultado (só um voto contrário do vereador Adilson Mariano) e invadiu o plenário”.

A correção foi feita hoje, no entanto, veio acompanhada de mais uma inverdade: que a assessoria de comunicação do sindicato teria ofendido o colunista.

A desinformação da comunidade prejudica a categoria e, em especial neste momento, a greve dos servidores do Hospital São José. Leia abaixo as notas publicas ontem e hoje por Veríssimo, bem como o pedido de retratação enviado pelo Sinsej ao jornal.

Pedido de retratação ao colunista Luiz Veríssimo
(Enviado em 11/8)

Uma informação incorreta sobre os servidores de Joinville foi veiculada no Jornal Notícias do Dia desta terça-feira (11/8). O colunista Luiz Veríssimo afirmou que a sessão da Câmara de Vereadores de ontem foi encerrada 30 minutos antes do horário regimental porque “um grupo de servidores do Hospital Municipal São José, que acompanhava uma votação de seu interesse, não gostou do resultado (só um voto contrário do vereador Adilson Mariano) e invadiu o plenário”.

Veríssimo mostra extrema desinformação do que aconteceu no Legislativo nessa segunda-feira e contraria matéria veiculada pelo próprio jornal no mesmo dia. A realidade é que os servidores municipais estavam presentes, aguardando a votação do projeto de lei complementar 41/2015, que tramita em regime de urgência. No entanto, a matéria não chegou a ser pautada, já que houve intensa manifestação de outros movimentos sociais presentes, após a aprovação do Plano Municipal de Educação, e a sessão foi encerrada.

Os servidores já estiveram na Câmara de Vereadores muitas vezes acompanhando a votação de projetos e sempre atuaram de forma pacífica. Todas as manifestações da categoria são reconhecidas como exemplo de organização.

O Sinsej solicita ao colunista, bem como ao Jornal Notícias do Dia, melhor apuração dos fatos e retratação na coluna de amanhã.

 

Nota errada publicada ontem (11/8), na coluna de Luiz Veríssimo
Nota errada publicada ontem (11/8), na coluna de Luiz Veríssimo
Retratação publicada hoje (12/8)
Retratação publicada hoje (12/8)
Nota contendo novas inverdades publicada hoje (12/8)
Nota contendo novas inverdades publicada hoje (12/8)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + 3 =