Prefeitura volta a indenizar licença-prêmio

A Prefeitura divulgou na tarde de hoje (9/9) que a partir da folha de setembro, paga no início de outubro, retomará a indenização de licença-prêmio. Desde o ano passado, apenas os casos de aposentadoria ou morte estavam sendo atendidos. O principal avanço na posição do Executivo está no destino de 50% da verba mensal para casos classificados como sociais. Essa é uma reivindicação antiga da categoria e do Sinsej.

O Sinsej entende que esse direito deveria ser gozado pelo servidor, porém, a baixa remuneração e a falta de uma segurança, como o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), levam muitos a precisarem do dinheiro. No início de 2011, após as fortes chuvas que assolaram a cidade, diversos trabalhadores solicitaram a venda da licença-prêmio e tiveram o pedido negado.

Relembre o caso da servidora Marcia Ferreira.

Está previsto o destino de R$ 100 mil por mês para a indenização desse benefício, sendo R$ 50 mil para casos sociais e R$ 50 mil em ordem de protocolo. Atualmente, de acordo com a Prefeitura, há 39 servidores na fila de espera que foram atingidos por enchentes ou apresentaram outros problemas pessoais.

Décimo terceiro

A Prefeitura depositará a primeira parcela do 13º salário no dia 28 de outubro. A segunda está programada para ser paga até o dia 20 de dezembro. As informações foram divulgadas na tarde de hoje (9/9), no site da PMJ.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

4 × dois =