Servidores da Escola Agrícola pedem socorro

Servidores e a comunidade da Escola Agrícola Municipal Carlos Heinz Funk realizaram uma assembleia hoje (24/03). A atividade contou com a participação do Secretário da Educação, Roque Mattei. O motivo foi a ameaça de perda do transporte escolar, além da série de problemas enfrentados. Foram informadas as dificuldades da unidade e houve o compromisso de Mattei para buscar soluções urgentes.

A Escola Agrícola fica localizada na rodovia SC 301, ao lado da Fundação 25 de Julho. Seu funcionamento é integral e, devido à distância, alunos e funcionários têm necessidades diferenciadas para transporte. Além disso, eles elencam uma série de cobranças para adequar a estrutura e as condições de trabalho.

Entre as cobranças, consta a execução de uma reforma completa no prédio. Além disso, a escola está sem orientadora educacional. Essa situação foi exposta ao secretário, com a solicitação de alguém para ocupar o cargo. Também houve o relato das péssimas condições de trabalho. Foi listada a falta de equipamentos, livros, produtos de limpeza, carro e data-show suficientes.

A mobilização ocorrida hoje mostra o caminho para solucionar os problemas enfrentados na Educação joinvilense. A ideia da assembleia foi formulada em uma reunião dos professores com o Sinsej sexta-feira. Em seguida, foi feito contato com a Secretaria de Educação para agendar o encontro com Mattei. O sindicato espera que essa iniciativa da Escola Agrícola sirva de exemplo para os demais servidores na Campanha Salarial em curso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

15 − catorze =