Prefeitura não apresenta respostas em Joinville

Udo não apresentou respostas para os itens cobrados pelos servidores | Foto: Francine Hellmann
Udo não apresentou respostas para os itens cobrados pelos servidores | Foto: Francine Hellmann

Ocorreu nesta quinta-feira (10/10) nova reunião da mesa de negociação joinvilense da Campanha Salarial 2014. Houve poucos avanços na discussão com a Prefeitura. A equipe do governo Udo Döhler (PMDB) não ofereceu uma resposta definida para a maioria dos 30 itens já debatidos. Conforme a conversa avançava, alegava-se ainda não haver estudos sobre os pontos. Ao todo, a Pauta contém 70 reivindicações.

Para o Sinsej, é incompreensível a situação apresentada pela administração municipal. A pauta de reivindicações foi protocolada dia 28 de fevereiro. São mais de 40 dias com o documento em mãos. O fato de a atual gestão não apresentar um dado concreto para debater parece descaso com os servidores e sua organização.

Para o dia 24 de abril, está convocada uma nova assembleia. Os trabalhadores irão avaliar as respostas, ou sua ausência, e decidirão o que fazer sobre a Campanha Salarial 2014. O Sinsej convoca todos os servidores a lotarem a Câmara de Vereadores, às 19 horas. Como fala o slogan da Campanha Salarial deste ano, “A Luta É Por Todos!”.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

onze + doze =