Vereador Willian Tonezi quer apressar aprovação da reforma com golpe no servidor

O relator dos projetos referentes à Reforma da Previdência dos servidores de Joinville nas Comissões de Saúde e de Finanças da Câmara de Vereadores, Willian Tonezi (Patriota), quer escolher o atuário que o Sinsej deve contratar para auditar o déficit do Ipreville. A contratação, de acordo com o vereador iria custar no mínimo R$ 35 mil.

A informação chegou após reunião conjunta das Comissões na manhã desta segunda-feira (24), quando Tonezi chamou membros das Comissões e da diretoria do Sindicato para avisar que está em contato com o atuário e que vai apresentá-lo hoje (25), às 15h30, em nova reunião conjunta e extraordinária no Legislativo. Surpresa com a notícia, a presidenta do Sindicato, Jane Becker, confirmou a presença na reunião e disse que antes de contratar um atuário para refazer os cálculos do déficit do Ipreville por esse valor, é preciso ter outros orçamentos. Além disso, quem vai contratar é quem deve escolher o profissional independente e responsável com o futuro do Ipreville e com a aposentadoria da categoria. É necessário, antes de tudo, ter responsabilidade com o dinheiro do servidor.

GOLPE – Sem atender a solicitação do Sinsej e da categoria pelo arquivamento dos três projetos, ou mesmo sua suspensão enquanto ocorre a auditoria, o vereador quer suspender somente a tramitação do PLC 008/2021, que pretende alterar regras gerais e valores da aposentadoria. Segundo ele, a tramitação da Proposta de Emenda à Lei Orgânica 003/2021, que pretende alterar a idade, e do Projeto de Lei Ordinária 23/2021, que impõe a Previdência Complementar, aumentando a contribuição de quem recebe acima do teto – continuaria. Para a direção do Sindicato, a tramitação de todos deve ser suspensa. O fatiamento da tramitação tem objetivo de fragilizar a organização dos servidores em luta. Se aprovam a mudança da idade, como está disposta na Lei Orgânica, fica muito mais fácil aprovar o resto depois.

CATEGORIA DEVE SEGUIR MOBILIZADA Esta é mais uma etapa da luta em defesa da aposentaria e não podemos deixar que vereadores da base aliada do prefeito Adriano (Novo) deem esse golpe nos servidores. A direção do Sinsej convoca a categoria a acompanhar a reunião extraordinária hoje (25), às 15h30 na CVJ, seja de maneira virtual, no canal do youtube da Câmara de Vereadores, ou de maneira presencial. Não vamos arredar o pé!

Exigimos responsabilidade com nosso dinheiro e com nossos direitos. Reforma da Previdência: Essa conta não é nossa!

 

One thought on “Vereador Willian Tonezi quer apressar aprovação da reforma com golpe no servidor

  • 25 de maio de 2021 em 14:36
    Permalink

    O vereador quer evitar o debate e uma auditoria nas contas do Ipreville, querendo a aprovação da reforma da previdência com urgência,infelizmente!.
    Esse vereador de partido nanico e outros que defendem a aprovação da Reforma da Previdência merecem o repúdio da comunidade esclarecida de
    Joinville.
    O eleitor politizado e consciente vai julgar os mesmos nas próximas eleições! As redes sociais vão fazer campanha contra esses vereadores!

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

6 + doze =