Fábrica de Tubos tem problemas com gratificação

Os trabalhadores da Fábrica de Artefatos de Cimento de Joinville se reuniram na tarde desta quarta-feira (24/4) com os diretores do Sinsej na sede do sindicato. O encontro aconteceu devido aos problemas enfrentados sobre o cálculo da gratificação por produtividade. Ficou decidido que o sindicato fará uma pesquisa sobre o assunto e reunirá os servidores novamente.

A gratificação por produtividade para esse setor é feita por meio de uma lei municipal. Acontece que com o passar dos anos várias interpretações diferentes foram feitas sobre ela, em especial sobre os detalhes do cálculo para o benefício. Essa situação tem deixado os trabalhadores confusos, pois cada chefia aplica critérios diferentes. Por essa razão, eles querem conferir quais métodos e cálculos corretos devem ser utilizados.

Na reunião de quarta, ficou definido que o Sinsej conversará com a Procuradoria do Município para esclarecer qual interpretação da lei está valendo. O sindicato também pedirá as tabelas de cálculo usadas pelo setor de Recursos Humanos da prefeitura. Com base nesses documentos, será feita uma visita ao setor administrativo da fábrica para saber como acontece o lançamento dos valores da gratificação. Depois desse trabalho, os servidores serão chamados para uma nova reunião, com o objetivo de esclarecer como os trabalhadores podem conferir seus pagamentos e quais os próximos passos a serem dados sobre o assunto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × um =