Esclarecimento

O Sinsej esclarece que a nota sobre o pagamento de hora-extra no recesso publicada no “Jornal do Sinsej número 34” não representa mais a realidade. O prefeito Udo Döhler havia se comprometido a pagar, como em 2014, porém, em nova reunião com a diretoria do sindicato, voltou atrás dessa decisão. O jornal já havia sido impresso.

Quem irá trabalhar neste período está convidado a participar da assembleia que tratará do assunto na segunda (7/12), às 19 horas, no Sinsej.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − onze =