Esclarecimentos aos servidores das UBSFs

O Sinsej participou, no dia 7 de fevereiro, de reunião com a secretária da Saúde, Francieli Schultz, e discutiu a alteração de horário de atendimento das Unidades Básicas da Saúde da Família (UBSF). Segundo Francieli, os servidores podem escolher entre aumentar a jornada para 8 horas diárias ou manter as 6 horas e serem remanejados. Se algum servidor for obrigado por sua chefia a aceitar uma das opções, deve imediatamente denunciar essa ação ao sindicato.

 Organização

O Sinsej solicita aos servidores das UBSFs que elaborem uma lista nominando o que está em falta em suas unidades: materiais, problemas de estrutura, falta de funcionários, casos de assédio moral. Com essas informações, será elaborado um dossiê para ser enviado ao Ministério Público, ao poder Judiciário, Executivo, imprensa e demais órgãos responsáveis.

Além disso, se a sua unidade ainda não tem um representante eleito, reúna a equipe, discuta e escolha democraticamente. Uma ata deve ser preenchida e entregue a um diretor do sindicato, diretamente na recepção do Sinsej ou na reunião do conselho – dia 7 de março, às 14 horas, no Hotel Tannenhof.  Todos os servidores são chamados também a participar da assembleia que definirá a pauta da Campanha Salarial 2017. Será no dia 13 de março, às 19 horas, na Câmara de Vereadores. É através da unidade, organização e luta que os direitos serão ampliados.

*Texto alterado em relação à data da assembleia, inicialmente programada para 15/3.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete − 6 =