Carta à comunidade sobre o abandono do serviço público municipal

Os servidores de Joinville estão entregando para a comunidade uma carta relatando problemas do serviço público. Confira o seu conteúdo e ajude a cobrar do governo o atendimento de qualidade para todos os joinvilenses. 

O governo Udo Döhler abandonou o serviço público de Joinville. A falta de condições de atendimento nos mais variados setores prejudica, sobretudo, a parcela mais pobre da população. Além disso, submete os trabalhadores da Prefeitura à extrema falta de condições de trabalho.

No caso da saúde, em meio ao fechamento do PA Sul, falta de medicamentos, de ataduras, de agulhas, de seringas, de materiais de limpeza, entre muitas outras coisas, é o esforço dos servidores que ainda mantém as unidades de atendimento público em funcionamento. Não bastasse, estes trabalhadores são frequentemente submetidos a assédio moral. Para mascarar a situação, o governo exige ainda mais produtividade, ameaça e age com truculência. No Hospital São José, por exemplo, como forma de reprimir quem protesta, equipes treinadas inteiras têm sido transferidas. Essa forma de gestão prejudica quem precisa ser atendido.

Os servidores estão exigindo melhorias da Prefeitura e pedem o apoio da comunidade nesta luta. Não havendo avanço nas negociações, os serviços poderão ser suspensos a partir da segunda quinzena de dezembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis + cinco =