Servidores do HMSJ farão paralisação amanhã

Os servidores do Hospital Municipal São José (HMSJ) farão uma paralisação amanhã (20/12), ao meio dia. Esta foi a última alternativa encontrada para exigir uma solução para a falta de ar condicionado em diversos setores. Além disso, os trabalhadores pedem o pagamento de horas extras para quem trabalhará do dia 21 de dezembro ao dia 2 de janeiro, período em que a maior parte da prefeitura estará em recesso. A decisão foi tomada na manhã de hoje em uma assembleia que aconteceu em frente ao hospital.

Os diretores do Sinsej conversaram com o diretor executivo do HMSJ, Fabrício Machado. De acordo com ele, domingo (23/12) é o prazo para a resolução do problema no Complexo de Emergências Ulysses Guimarães (onde fica o pronto-socorro). Neste dia deverão chegar três dos seis compressores estragados na Central de Refrigeração. Os equipamentos teriam sido comprados em regime de urgência e solucionariam a situação até que o restante possa ser licitado.

Quanto ao pagamento de horas extras, o Sinsej já recebeu a confirmação de que a prefeitura pagará para todos os demais setores. O HMSJ possui autonomia nesta decisão, mas na manhã de hoje Machado afirmou que não concorda com o pagamento e que a administração do hospital só pagará se o Executivo solicitar. O Sinsej enviou um ofício à prefeitura sobre o assunto na tarde de hoje (19/12) – veja abaixo.

Texto atualizado em 19/12/12, às 17h10.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

vinte − 12 =