Formação de sindicato dos ACS’s e ACE’s tem votação e representatividade pífia

Em uma assembleia ocorrida na última segunda-feira (31), na sede do Sindicato dos Radialistas, com 24 servidores Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combate às Endemias (ACE), foi votada a formação de um sindicato estadual dessa categoria que tem 600 servidores só em Joinville. Imagine se somarmos os servidores dos 294 municípios de Santa Catarina. Foram 19 votos a favor e cinco contrários.

A tentativa de enfraquecer o Sinsej como sindicato que representa esses servidores saiu pela culatra. O número de votantes da assembleia jamais contempla a vontade e a representação da categoria. Inclusive, uma empresa de segurança foi colocada para tentar proibir que servidores ACS’s e ACE’s contratados pudessem entrar e votar na assembleia. A palavra não foi aberta para qualquer debate e a votação foi relâmpago. Não durou um minuto.

Espera-se que o grupelho divisionista não faça a bobagem de alterar a ata da assembleia, prática muito comum entre os pelegos que montam sindicatos de gaveta para viver como marajás com o dinheiro da contribuição sindical. Está tudo muito bem registrado. Fora isso, essa tentativa só serve para enfraquecer a luta da categoria e fortalece o governo do prefeito Adriano Silva (NOVO).

O Sinsej sempre defendeu e lutou pelas demandas e reivindicações dessa categoria, desde a gestão de Ulrich Beathalter, assim como na de Jane Becker. Aliás, foram grandes conquistas como a garantia do triênio, da insalubridade, da igualdade salarial com o funcionalismo público, da inclusão no estatuto especial, entre outras.

2 thoughts on “Formação de sindicato dos ACS’s e ACE’s tem votação e representatividade pífia

  • 3 de agosto de 2023 em 14:15
    Permalink

    A Política do centrão.
    Os politicos fisiologistas do centrão formam a maioria no Congresso Nacional,infelizmente!
    Defendendo a política neoliberal do Estado mínimo querem realizar a Reforma Administrativa com o objetivo de acabar com o serviço público,
    beneficando a terceirizaçao do setor público e favorecendo a privatização e seus defensores!
    Os Deputados Federais de Joinville fazem parte desse projeto!
    Em Joinville,a PMJ tentou privatizar a UPA da zona sul e o Hospital São José com o discurso vazio de melhorar o atendimento da população,infelizmente.
    Quem vai mais sofrer com essas reformas neoliberais são as pessoas que mais necessitam do serviço público!
    Como disse um amigo meu: A população com consciência critica deve dar o troco nas eleições! Eu comentei;Infelizmente o analfabetismo político do eleitor joinvillense é gritante! Como afirmou um grande filósofo:o povo é pobre do pescoço para baixo,mas pensa do pescoço para cima,não exerga sua pobreza!

    Resposta
  • 3 de agosto de 2023 em 14:39
    Permalink

    Dividir para reinar!
    Quem está patrocinando esses servidores que querem dividir e destruir o Sinsej!
    Que tipo de interesses está na raiz desse movimento!
    Perguntas que não querem se calar!
    Cabe uma ação judicial em torno dessas pessoas?
    Como disse um conhecido:Querem ser subservientes ao poder público municipal,infelizmente!
    São contra a autonomia sindical em relação ao poder público!

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

8 − um =