Unidade de Saúde do Itinga é interditada

Ontem (17/11), ao meio-dia, a Vigilância Sanitária interditou a Unidade Básica de Saúde da Família Boehmerwaldt II, no Itinga. A pedido dos servidores, hoje pela manhã a diretoria do Sinsej esteve no local para uma reunião. A interdição foi feita devido às condições do prédio, que possui várias rachaduras e pedaços de concreto soltos.

A Prefeitura já remanejou a equipe. Sete trabalhadores foram encaminhados para a Policlínica, no bairro Floresta, e os demais, em torno de 20, à Unidade Básica de Saúde da Família Itinga Continental. O local interditado atende cerca de 10 mil pessoas, e a divisão da equipe traz mais uma preocupação: a distância para os usuários que utilizam o serviço.

Buscando resolver a situação, os servidores procuraram diversas vezes os responsáveis pela manutenção do prédio, desde que ele começou a apresentar problemas, e nada foi feito. Além da estrutura precária, a parte elétrica gera dificuldades no atendimento odontológico há tempo, devido a quedas frequentes de energia.

WP_20141118_003
Servidores e direção do Sinsej realizaram reunião para discutir a interdição da Unidade I Foto: Mara Lúcia Tavares

No encontro de hoje, o Sindicato comprometeu-se a procurar a Secretaria da Saúde para pedir esclarecimentos e providências urgentes para a solução do problema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 1 =